quarta-feira, 22 de abril de 2020

O VÍRUS E A PROTEÇÃO DIVINA


Psicografia do Médium Adilson T. de Godoy
Mentor: D´Adyan
Ordem Cristiciísta

O Cristiciísmo ensina que o poder da meditação dirigida ao campo de força divino pode estabelecer uma forte barreira de proteção contra a ação delituosa das forças negativas. Essas forças atuam dentro da sociedade alienando convicções, distorcendo os princípios de comportamento que regulam a sociedade humana e o seu relacionamento entre si, afastando as pessoas e alterando o destino e o encontro com o seu próprio Deus interior.

Quando a verdade estiver semeada e compreendida por todos, o universo espiritual encontrará estabilidade rítmica e ajudará todos os seres que estiverem sob o teto dessas correntes vibratórias intercomunicantes que ligam o sistema cósmico de expansão.

As forças espirituais positivas são convergentes. Elas se fixam num ponto e depositam a energia de Deus nesse ponto. Quando a pessoa pensa em Deus de uma forma positiva, concentra sua energia e se integra na corrente cósmica de expansão, que é o ponto central do ato e objetivo meditativo.
A partir do momento que o Ser humano conseguir aumentar o seu grau de integração com o campo divino através da meditação consciente, a resposta virá com a ampliação da consciência que entrará em processo de expansão e comunicação coletiva, colocando-o numa mesma frequência de vibração que se encarregará de encontrar seus parceiros cocriadores e sem que você perceba, estarão vibrando na mesma frequência que a sua, havendo portanto um encontro de consciências.

O encontro das consciências sintonizadas numa mesma faixa vibratória, consegue alterar o curso energético negativo, estabelecendo uma barreira de proteção entre todas as pessoas que crerem que a ação divina possa ser um componente de auxílio, protegendo contra a ação negativa, venha de onde vier.

O vírus (Covid-19) que assola o planeta, é um componente energético que atua naquilo que o ser humano mais necessita, que é o ar que respira.

A humanidade vem contribuindo há muito tempo para poluir o oxigênio, elemento vital para a manifestação da vida.

O século passado estabeleceu como âncora de progresso, o carvão e o petróleo com base no combustível fóssil, ampliando o desenvolvimento de indústrias e ao mesmo tempo aumentando a poluição do ar. Felizmente uma parte da sociedade humana já está começando a consumir energias alternativas como a eólica, magnética e solar.

A criatividade humana tem como característica a busca de novas formas para aproveitar o átomo como geração de força. É evidente que a mudança de combustível vai seguir a sua linha de progresso, pois a energia magnética já chegou em algumas linhas férreas levantando dos trilhos as pesadas rodas a velocidades nada convencionais.

O progresso sempre conduzirá o ser humano para o crescimento material. A tecnologia está substituindo a mão de obra exclusivamente humana a passos rápidos.

Este momento que estamos vivendo é mais um teste que serve para uma profunda reflexão. Uma coisa esse silêncio das ruas vazias está deixando transparecer: “As pessoas estão sendo forçadas a refletir.”

Algumas questões básicas nos assolam e nos conduzem para um novo caminho.

Qual seria a base alimentar do futuro? Animal? Vegetal? – É preciso pensar.

O planeta nos colocou em casa para refletirmos como avançar sem poluir a natureza, sem sacrificar mares, rios e suas nascentes. Se as coisas continuarem como estão, como ficará a água (elemento vital para tudo) e o oxigênio que respiramos? Já estamos saindo de casa com máscaras. Será que constituiremos a geração dos mascarados? Teremos que cumprimentar as pessoas à distância como os orientais até o fim da vida? Os planos inferiores terão descoberto a fórmula para utilização de vírus a fim de controlar a humanidade?

A vacina pode ser energética, a mudança de comportamento energético do ser humano é que poderá tirá-lo dessa realidade. O padrão de pensamento a que estamos expostos e somos induzidos em permanecer, condensa, cristaliza a energia cocriadora de vírus mutáveis e adaptáveis ao padrão criado.

A meditação diária a fim de elevar o poder energético de amor, perdão e compreensão, podem ajudar-nos a emanar energias mais elevadas, capazes de combater os padrões densos e equilibrar a cocriação de novas realidades com menos aprendizados de sofrimento e dor.

O vírus pandêmico possui o poder negativo e positivo dependendo do padrão vibratório e da frequência em que a civilização se encontra. Do ponto de vista negativo, ele mata os infectáveis e o desconhecimento científico do seu controle, remove do cotidiano os seres humanos, que estão incapacitados de produzirem suas riquezas; entretanto, do ponto de vista positivo, ele veio ensinar para muitos, o valor de um abraço, de um relacionamento, da liberdade e principalmente do amor e solidariedade. A preocupação com os semelhantes, o cuidado com quem está próximo, o carinho com quem passa necessidade, eram antes rascunhos que ficavam apagados na memória de muitos daqueles que viviam distraídos com seus trabalhos e objetivos, em busca apenas de suas realizações. 
Muitos acordaram para a verdade espiritual, e outros tantos acordarão nas próximas experiências, e que Deus nos ajude que sejam menos desastrosas.

A fome, a miséria e a injustiça fazem parte de uma epidemia mundial que tem cura, mas há séculos, mata muito mais do que as pandemias.

Quem quiser meditar para melhorar o seu padrão energético e cocriar a cura planetária segue uma de nossas meditações.



Listen to "Meditação de Condensação Energética e Cura" on Spreaker.

quinta-feira, 2 de abril de 2020

A FORÇA ESPIRITUAL DIANTE DA PANDEMIA





Por: Adilson Teixeira de Godoy
Fundador do Cristiciísmo

Para quem acredita na força espiritual e para quem crê que essa força pode ajudar as pessoas em qualquer situação, deve se preocupar em divulgá-la para que as criaturas possam aumentar sua fé, potencializando seu espírito com a convicção.

A ajuda divina pode fazer a diferença. Precisamos crer que “A CRENÇA É A CAUSA E O CUMPRIMENTO DA LEI É O EFEITO”. A esperança é o alento. Precisamos energizar a esperança para contermos a desesperança.

Há milhares de anos a corrente espiritual trabalha junto aos seres humanos para potencializá-los a fim de manter a centelha divina ativada pela fé em Deus.

A civilização criou suas religiões preparadas e adaptadas às suas sociedades com seus avatares e seus pré conceitos, cuja crença individual é incontestável.

Aos que creem, Deus espera que todos os humanos não percam a fé nele, pois até mesmo na vida de um ateu existe o dedo de Deus.

A humanidade já suportou inúmeras crises, epidemias, guerras (que nunca acabam), fome miséria etc., e até hoje não foi extinta. Os países organizados em sociedades acabaram vencendo as adversidades.

O planeta precisa ser reordenado, mantendo a liberdade de pensamento e o poder de escolha. Normalmente as crises trazem uma reflexão profunda. O momento é importante para que todos os governos possam realmente mapear sem subterfúgios a miséria e atuar sobre ela com ações profissionais programadas, direcionando recursos materiais para reduzi-las ao mínimo ou até mesmo eliminá-las.

As nações criaram o Estado que é “Nação Politicamente Organizada”. Esta organização criou seus poderes Civil, Militar e Judiciário. Enquanto os políticos não aprenderem a equilibrar os seus pensamentos de uma forma coletiva em prol do bem e da justiça social, cada vez mais, vamos nos deparar com situações alarmantes, comparadas às de filmes de ficção científica.

O Cristiciísmo acredita que chegará o momento em que esses grupos organizacionais se voltarão para dentro, para o interior de seus corações, como verdadeiros irmãos da sociedade, como mentores da verdade, em prol do modo equilibrado de governar, visando realmente o benefício de todos os que são governados e não apenas os deles próprios. Só assim viveremos numa sociedade igualitária nivelada para o alto, para a prosperidade, em que não existam tantos seres necessitados das mínimas condições de higiene, saneamento básico, saúde e renda mínima para uma sobrevivência digna, capaz de custear uma boa educação e um modo de vida mais civilizado. Nesse dia, a Terra terá terminado a sua transição e iniciará um novo ciclo pacífico e belo.

Podemos fazer a nossa parte, no meio da tempestade, vibrando com o coração e afastando as nossas mentes do ódio, do medo, da injustiça e da crueldade.

A sobrevivência humana depende disso, pois aos olhos de Deus, somos apenas uma de suas criaturas. Mesmo que a humanidade entrasse em extinção, outras obras do criador continuariam o seu ciclo evolutivo. Os animais, os vegetais, os reinos de todos os planetas continuarão existindo depois de nós.

A ação egoica do livre arbítrio individual está terminando. A nova etapa será o caminho do livre arbítrio coletivo, e a humanidade terá que entender de uma vez por todas que a UNIÃO FAZ A FORÇA.

Façam as suas meditações concentrando energias boas para que o país, seus familiares e todo o planeta se cure desse vírus. A Terra já gritou aos quatro ventos: - “POR FAVOR, PAREM PARA PENSAR!”.